Proteger os banhados de Bonito é garantir vida, economia e natureza.

Porque isso é importante?

Bonito é a capital nacional do ecoturismo!

Todos os anos 200 mil pessoas visitam a cidade para conhecer seus rios cristalinos, cavernas e fauna exuberante. Pelo menos 50% do Produto Interno Bruto do município vem do turismo e 75% dos empregos da cidade dependem dessa atividade.

Isso tudo só é possível porque em Bonito a conservação da natureza é levada a sério!

E o que os banhados têm a ver com isso?

 Os banhados são filtros naturais, que limpam e purificam as águas, impedindo que os sedimentos que vem de fora, como aqueles trazidos pela chuva, transformem as águas cristalinas de Bonito em águas turvas e escuras, acabando com a beleza que tanto encanta, quanto gera riqueza. Além disto, os estudos realizados nestas áreas demonstraram que sete espécies de aves e oito de mamíferos que estão ameaçadas de extinção dependem exclusivamente destes banhados para manutenção de seus ciclos de vida.
 

A causa!

Estudos realizados desde 2008, em uma força tarefa promovida pelo Ministério Público, Universidades e Instituições nacionais e internacionais levantaram a necessidade URGENTE da conservação dos banhado dos Rios Formoso e da Prata.
 
O Brasil, signatário da Convenção dos Sítios Ramsar e da Convenção da Biodiversidade, tem compromisso internacional de conservar áreas frágeis e essenciais a manutenção do equilíbrio no Planeta, como os  banhado de Bonito. Já o poder executivo (muni, est e federal) tem pleno poder legal para estabelecer por decreto Unidades de Conservação de Proteção Integral.
Entendendo o seu papel e sua responsabilidade perante a sociedade, a Prefeitura Municipal propôs a criação de Unidades de Conservação municipais, para proteger algumas áreas naturais, essenciais à manutenção da qualidade dos rios!
 
A Prefeitura de Bonito e seus cidadãos entendem que banhado protegido é futuro garantido!
 
 

Então qual é o problema?

Em uma ação antidemocrática e autoritária, demonstrando a total falta de discernimento e compromisso com a coletividade, o Sindicato Rural de Bonito esta barrando judicialmente a consulta pública, tentando impedir que as unidades de conservação sejam criadas. 
 

O que você pode fazer?

 
Você pode dizer para as autoridades que não compactua com essa postura q ameaça a natureza e o futuro de Bonito!
 
Que você não aceita que um grupo minoritário coloque seus interesses pessoais a frente e acima daqueles de toda a sociedade, e assim colocando em risco a conservação e a economia de Bonito!!!
 

Nos ajude.

Para apoiar a criação das unidades de conservação de Bonito, basta você preencher os campos abaixo que estará enviando o seu manifesto para todas as autoridades.
Seu nome
Seu email:
email:

Ao clicar enviar você está autorizando a Rede Nacional Pró Unidades de Conservação a enviar um email para o Governador do Estado do Mato Grosso do Sul, secretário Estadual do Meio Ambiente, Prefeito de Bonito, vereadores de Bonito, juíza da comarca de Bonito e o Promotor de Bonito

Para conhecer mais assista ao vídeo:
Screenshot 2016-04-08 10.12.19